TCE-PB aprova Medalha Cunha Pedrosa para Fábio Nogueira e Valdecir Pascoal

O Tribunal de Contas da Paraíba, reunido nesta quarta-feira (29), aprovou a concessão da Medalha Cunha Pedrosa, a mais elevada de suas honrarias, ao presidente eleito da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), conselheiro Fábio Nogueira. Ele sucederá, a partir de fevereiro, ao ainda presidente Valdecir Pascoal, também agraciado com a mesma comenda.

Relator das proposituras de medalhas do TCE-PB, o conselheiro Nominando Diniz fez, ele mesmo, a indicação do amigo Fábio Nogueira e de pronto acolheu, como o restante dos seus pares, à do conselheiro Valdecir Pascoal para a idêntica homenagem, conforme propôs o presidente da Corte André Carlo Torres Pontes.

As saudações aos dois homenageados incluíram louvores a suas atuações em favor do aprimoramento do sistema de controle externo. O conselheiro André Carlo mencionou, notadamente, o esforço de Valdecir Pascoal para evolução do Marco de Medição do Desenvolvimento dos TCs brasileiros.

O conselheiro Nominando Diniz destacou, por sua vez, a atuação vitoriosa e o espírito conciliador que fez do paraibano Fábio Nogueira candidato único e presidente, por aclamação, da Atricon, no último dia 23, durante o XXIX Congresso dos Tribunais de Contas do País realizado, em Goiânia (GO). A entrega dessas medalhas ainda não tem data marcada.

APLAUSOS – Na mesma sessão plenária, o TCE-PB acolheu Moção de Aplauso do conselheiro substituto Renato Sérgio Santiago Melo ao presidente eleito da Associação Nacional dos Auditores de Contas (Audiccon) ministro substituto Marcos Bemquerer Costa.

Foram também, assim, reverenciados os presidentes do Instituto Rui Barbosa (conselheiro Ivan Bonilha, TCE/PR) e da Associação Brasileira dos Tribunais de Contas dos Municípios (conselheiro Thiers Montebello,TCM-RJ) também eleitos na ocasião.

A boa organização do XIX Congresso dos TCs ainda rendeu aplausos do TCE-PB aos presidentes dos Tribunais de Contas do Estado e dos Municípios de Goiás, os conselheiros Kennedy Trindade e Joaquim Alves de Castro Neto (por ordem de citação), como propôs o conselheiro substituto Oscar Mamede Santiago Melo. Pela mesma razão, também foi assim homenageada a conselheira substituta Heloisa Helena Monteiro (TCE-GO) que atuou, incisivamente, na organização do evento.

 

Ascom/TCE-PB

29 11 17.

 

 

Compartilhe: