Presidente do TCE-PB participa de lançamento do IEGM-2017 no Tribunal de Contas de São Paulo

O conselheiro André Carlo Torres Pontes, presidente do Tribunal de Contas da Paraíba,  participou, na tarde desta segunda-feira (09), em São Paulo, na condição de convidado, da apresentação dos novos dados do Índice de Efetividade da Gestão Municipal – IEGM-SP, evento que ocorreu no auditório do Tribunal de Contas de São Paulo. Estiveram presentes também o corregedor geral do TCE-PB, conselheiro Fábio Túlio Nogueira e o presidente da Associação Nacional dos Tribunais de Contas – Atricon, conselheiro Valdecir Pascoal.

O lançamento nacional do IEGM-2017 deverá acontecer no próximo dia 18 de outubro, em Curitiba, no Paraná, oportunidade em que os tribunais de contas do país se reúnem e apresentam os painéis indicadores locais.

O Índice de Efetividade da Gestão Municipal é uma ferramenta adotada pelos tribunais de contas para auxiliar no processo de planejamento, definição de prioridades e avaliação da qualidade dos serviços prestados pelas gestões municipais. “É uma ferramenta valiosa ao gestor para aferição dos resultados das políticas públicas que vai possibilitar correção de rumos e aperfeiçoamento do planejamento da gestão”, disse o presidente.

Durante a apresentação no TCE-SP, o presidente do TCE-SP, Sidney Beraldo, reafirmou a principal finalidade do IEGM, que é o aperfeiçoamento das ações governamentais, mediante a divulgação dos níveis de desempenho de resultado, ou seja, dos indicadores finalísticos de eficiência e eficácia das políticas adotadas para atendimento das necessidades da população.

No ano de 2016, o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba obteve, durante do II Congresso Internacional de Controle e Políticas Públicas, realizado em São Paulo (SP), o reconhecimento nacional por haver assegurado, e validado, a participação de todos os 223 municípios paraibanos no Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM), o maior estudo já feito sobre gestão pública dos municípios no país.

O presidente do TCE-PB reiterou que a meta é atingir os mesmos resultados obtidos no ano passado na consolidação de todas as informações necessárias à composição do IEGM 2017, dados que já estão sendo catalogados pela equipe de auditores responsáveis para elaborar a segunda edição do Índice de Efetividade de Gestão Municipal da Paraíba.

 

Ascom-TCE-PB – 09 10 2017

Compartilhe: