O ‘Outubro Rosa’ no TCE-PB terá mais uma atividade nesta sexta-feira com ação em favor da ONG Amigos do Peito

O Tribunal de Contas da Paraíba promove nesta sexta-feira (6), às 10 h, mais uma atividade dentro da programação da campanha de conscientização do Outubro Rosa. Acontecerá o “Bate Papo Rosa”, com depoimentos e orientações médicas para  servidores, familiares e visitantes convidados para o encontro orientativo  que acontecerá no plenário João Agripino Filho, no Tribunal.

Antes do encontro, será oficialmente aberta a campanha de vendas dos produtos da ONG Amigos do Peito, com pronunciamentos do presidente do TCE-PB, conselheiro André Carlo Torres , da procuradora-geral do Ministério Público de Contas, Sheyla Barreto Braga e de Luciana Libório, voluntária da entidade.

Em seguida, tem início o Bate Papo Rosa, com participação da médica mastologista Jeane Nogueira, da psicóloga Simone Ayres, da servidora Conceição Gomes, de uma convidada, Valéria Cabral e da jornalista Fábia Carolino, coordenadora da Ascom, que fará a mediação do debate. A coordenação do evento solicita para que as servidoras vistam suas camisas da ONG para o evento. As enfermeiras do TCE-PB, Tatiana e Marineide estarão, durante o evento, mobilizando para venda dos produtos.

ATIVIDADE DO MÊS – No decorrer do mês, acontecerão diversão ações, de âmbito interno e externo, de conscientização para a importância da prevenção à doença. Na próxima terça-feira (10), haverá uma caminhada e um passeio ciclístico na orla da capital.

Para esses dois eventos, os membros e servidores do TCE foram todos convidados a dar uma demonstração de compromisso com a causa, se reunindo às 6h do dia 10 de outubro, no largo em frente à PB-TUR, para a caminhada, que sai às 6h30 até o Busto de Tamandaré, o ponto final do encontro.

E um segundo grupo, que participará de bicicleta, sai no mesmo horário, das proximidades do Gulliver Mar, no final do Cabo Branco, e encontra o primeiro no mesmo ponto de encerramento, em Tambaú.  A campanha prossegue até o final do mês.

 

Ascom/ TCE-PB

05/10/2017

Compartilhe: