TCE aprova voto de aplauso a Francisco Seráphico, ex-servidor da Corte nomeado Procurador Geral de Justiça

Em sessão plenária desta quarta-feira (16), o Tribunal de Contas do Estado aprovou, à unanimidade, voto de aplauso ao promotor de Justiça Francisco Seráphico Ferraz da Nóbrega Filho, por sua nomeação, pelo governador Ricardo Coutinho, ao cargo de Procurador Geral de Justiça da Paraíba.

Autor da propositura, o conselheiro substituto Renato Sérgio Santiago Melo, enfatizou a competência e o profissionalismo que, segundo ele, “sempre marcam a passagem de Francisco Seráphico pelos cargos que exerce”. A lembrança veio a propósito da época em que o hoje procurador nomeado trabalhou na área de auditoria de contas públicas do TCE-PB. Aprovado em concurso, ele foi servidor da Corte no período de 1998 a 2003.

Ao endossar o reconhecimento, “pela dedicação e seriedade com que trabalhou vários anos nesta Corte”, o presidente do TCE, conselheiro André Carlo Torres Pontes lembrou que o então servidor realizou trabalhos relevantes para o Tribunal, “como registra sua ficha funcional impecável”, disse.

A aprovação do voto de aplauso, por unanimidade, conforme registrou, “demonstra a satisfação do Tribunal de Contas em ver um ex-integrante de seus quadros funcionais passar a ocupar o mais alto posto do Ministério Público do Estado da Paraíba”.

Mestre em Direitos Humanos pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Francisco Seráphico é especialista em Direito Processual pela UNP, foi professor das Universidades Iesp, Facisa e Fip/Patos entre 2007/2012 e, atualmente, é professor do Centro universitário de João Pessoa (Unipê).

Promotor de Justiça em Santa Rita, Francisco Seráphico será empossado no novo cargo próximo dia 29, em substituição ao atual procurador geral Bertrand Asfora. Ele foi o mais votado na lista tríplice escolhida pelos membros do Ministério Público Estadual, ao lado dos, também promotores, João Arlindo e Amadeu Lopes.

Com passagem pelas promotorias de Patos, Campina Grande, João Pessoa, Cruz do Espírito Santo, Mari, Soledade, São Mamede, Pombal, Malta, Paulista, ele já foi também secretário-geral e de Planejamento e gestão do MPPB. E ntegrou a Comissão de Combate aos Crimes de Responsabilidade e à Improbidade Administrativa (Ccrimp), e ainda a Assessoria Técnica e a Coordenação do Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial (Ncap).

 

Ascom/TCE –PB

(16/ 08/2017)

Compartilhe: