TCE participa da realização do “Hackfest de Combate à Corrupção” ao lado da CGU e MPPB

O Tribunal de Contas da Paraíba vai participar ao lado Ministério Público e da Controladoria Geral da União, do “Hackfest de Combate à Corrupção”, que tem sua terceira edição marcada para o período de 9 a 11 de junho, no Espaço Cultural, em João Pessoa.

O convite para o TCE-PB participar do evento foi formulado ao presidente da Corte, conselheiro André Carlo Torres, pelo chefe da CGU/PB, Gabriel Aragão, e pelo coordenador do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MPPB, Octávio Paulo Neto.

Recebidos em audiência, às 8 h, no gabinete da presidência, eles explicaram ao conselheiro André Carlo a nova versão ampliada, destinada a atrair um público maior e mais diversificado.  As duas edições anteriores, em 2015 e 2016, foram mais voltadas para profissionais da área de tecnologia da informação, em especial os programadores de softwares.

Agora, os realizadores vão incluir no evento um conjunto de atividades para atrair e envolver mais a sociedade. São palestras, oficinas, mostras audiovisuais, programação para crianças e jovens empreendedores, e estandes para empresas.

“A Paraíba e o Brasil conhecem a importância do trabalho desenvolvido pelo TCE, instituição pioneira em muitas iniciativas de fortalecimento do controle externo. Esta participação agora, do TCE  do Hackfest de Combate à Corrupção, é fundamental para estimularmos ao máximo o exercício da cidadania e o engajamento da sociedade”, observou Gabriel Aragão.

O conselheiro designou, para representar o Tribunal em todas as reuniões e encontros de organização a partir de agora, o chefe da Assessoria Técnica, Ed Wilson Fernandes, e o auditor fiscal Fábio Guerra, ora atuando no projeto de aperfeiçoamento tecnológico e modernização da Corte.

 

ASCOM TCE-PB

20/02/2017

Compartilhe: