Alunos do ‘Ação Social pela Música’ se apresentam em concerto no Centro Cultural do TCE-PB

ccas

Marcada por emoção e aplausos, a primeira apresentação pública dos 92 alunos do projeto ‘Ação Social pela Música do Brasil’, nos núcleos dos
bairros de Mangabeira e Alto do Mateus, na capital -, lotou nesta quarta-feira (23) o Centro Cultural Ariano Suassuna, pertencente ao Tribunal de
Contas da Paraíba. O projeto foi implantado há um ano e meio pela Fundação Cultural de João Pessoa.

A plateia formada por cerca de 400 alunos de escolas da rede municipal, estadual e particular de ensino, além de pais e familiares, acompanhou com
entusiasmo a apresentação, cujo repertório combinou músicas do universo infantil com clássicos do erudito. Os alunos mostraram que para a música
não há idade para aprender, muito menos para apreciar.

O coordenador do projeto, maestro Hector Rossi, explicou que o objetivo é justamente estimular novos adeptos para a música clássica. “Quem hoje
está na plateia, amanhã poderá estar aqui, executando uma peça, porque todo mundo pode fazer música”, disse.

ccas1

O maestro ressaltou ainda o caráter social do projeto que há um ano e meio contribui com a formação cidadã dos alunos. “São músicos, mas acima de
tudo cidadãos, e é isso que a gente coloca como prioridade no projeto. E isso a própria natureza da música ensina, porque para aprender tem que ter
disciplina, trabalho e conjunto e dedicação intelectual”, completou.

Unidades – Atualmente, além da unidade 1, localizada no Alto do Mateus, o ASMB possui uma segunda unidade, no Centro Cultural de Mangabeira.
No total, o projeto atende 140 crianças a adolescentes que, de segunda à sexta, têm aulas de violino, viola, violoncelo e contrabaixo, além de solfejo e teoria musical com alguns dos mais renomados músicos que atuam na
Paraíba.

(ASCOM TCE, com Ascom/Funjope
24/11/2016)

Compartilhe: