TCE-PB faz parcerias para campanha de combate ao mosquito Aedes aegypti no bairro de Jaguaribe

campanha-dengue

O Tribunal de Contas da Paraíba iniciou, nesta manhã, no hall de entrada do prédio sede da Corte, uma parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Gerência de Vigilância Ambiental e Zoonoses, Funasa, Enlur e Polícia Ambiental, um trabalho educativo de combate aos mosquitos Chikungunya, Dengue e Zica Vírus. As ações se desenvolvem nas ruas próximas ao TCE, no bairro de Jaguaribe. Um estande foi montado no local com a presença de técnicos da Vigilância, exposição de mosquitos, ratos, escorpiões e caramujos, e servirá de apoio às atividades.

O conselheiro André Carlo Torres Pontes, vice-presidente do Tribunal de Contas da Paraíba, no exercício da Presidência, esteve no local para oficializar o início dos trabalhos, ao lado de dirigentes dos demais órgãos que integram a parceria. Ele enfatizou que o problema da Dengue é de saúde pública e envolve a todos, por isso, o Tribunal de Contas não poderia deixar de apoiar esse tipo de campanha, que mesmo simples, tem um alcance social na conscientização das pessoas no combate a essas em endemias.

campanha-dengue1

O presidente reiterou que a participação do Tribunal de Contas nessa atividade é o início do engajamento na luta contra o Aedes aegypti. “Não há órgão que se legitime sem está próximo da sociedade”, disse o conselheiro, ao antecipar que o TCE continuará mobilizado e já anunciou para agosto a realização de um evento didático sobre o assunto no Auditório do Centro Cultural Ariano Suassuna. “Nada disse tem efeito se a população não se engajar”, frisou ele.

O Gerente de Vigilância Ambiental e Zoonoses de João Pessoa, Newton Guedes, enfatizou que a visibilidade é de importância fundamental no combate ao mosquito. Para ele, é preciso que essas ações sejam continuas e que as pessoas tenham conhecimento para evitar os focos do mosquito. “Essas ações didáticas funcionam mais do que o inseticida”, disse ele. Também participaram do evento o superintendente da Funasa, Jackson Lucena; Mozart Castro Soares, diretor de operações da Enlur; Silvio Ribeiro, diretor de vigilância em saúde da Prefeitura de João Pessoa, assim como o Sargento Alvino, que falou pela guarnição da Policia Ambiental.

 

AscomTCE 0 16-06-2016

Compartilhe: