Corregedor do TCE-PB representa a Atricon na Estratégia Nacional de Combate à Corrupção

Conselheiro Catão

O corregedor do Tribunal de Contas da Paraíba, conselheiro Fernando Catão, foi designado para representar a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), até o final de 2017, na Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro (Enccla). A designação, decorrente da Portaria 01/2016 do presidente da Atricon Valdecir Pascoal, também alcança o conselheiro Cezar Miola, do TC do Rio Grande do Sul.

A providência atende ao termo de cooperação celebrado pela Atricon, integrante da Rede-Lab, com o Ministério da Justiça para a prevenção e o controle à corrupção. O propósito é aprimorar, desenvolver e compartilhar, nacionalmente, métodos, experiências e tecnologias contra práticas criminosas que incluem lavagem de dinheiro, desvios do patrimônio e dos recursos públicos.

Em decorrência dessa cooperação, os conselheiros Waldir Neves Barbosa (TCE-MS) e Severiano Costandrade (TCE-TO) estão designados para auxílio à Diretoria de Legislação da Atricon, no mesmo período.

Os conselheiros Marcos Peixoto e Algir Lorenzon (ambos do TCE-RS), além de Inaldo da Paixão (TCE-BA), vão auxiliar a Diretoria Institucional naquilo que se refira à integração com outros entes latino-americanos de controle externo. Também assim, o conselheiro Vitor Faccioni (TCE-RS), neste caso, em nome dos membros aposentados da Atricon.

 

Ascom/TCE-PB

24/05/2016

 

Compartilhe: