TCE-PB recebe visita de consultores do BID para se credenciar a promover auditorias internacionais

IMG_1101

Consultores financeiros do Banco Interamericano de Desenvolvimento em visita de trabalho ao Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, estão fazendo um diagnóstico para verificar as condições de o TCE paraibano se credenciar para realizar auditorias internacionais em projetos e programas financiados pela instituição financeira.

A visita é fruto de interesse anteriormente manifesto à direção do BID, no Brasil, pelo presidente do Tribunal, conselheiro Arthur Cunha Lima.

IMG_1102
Até próxima sexta-feira (4), os consultores financeiros do BID, Antonio Hideo Yamada e Juliana Dubeux Fontes, participam de entrevistas e reuniões com diretores e chefes de departamentos do Tribunal para analisar informações e dados sobre estrutura normativa, corpo técnico, procedimentos de auditoria, política de segurança em Tecnologia da Informação, entre outros itens que entram na avaliação que, positiva, levará às fases seguintes de firmação de protocolo e convênio.
Na segunda-feira (30), eles se reuniram com o coordenador de Planejamento, Francisco Pordeus, o diretor de Auditoria e Fiscalização, Francisco Lins Barreto, e os chefes do Controle Interno e da Assessoria Técnica, respectivamente Humberto Gurgel e Ed Wilson Santana.
De novo encontro de trabalho, nesta terça-feira (01), participaram o diretor da DIAFI Francisco Lins, o diretor Executivo Geral Nivaldo Cortes Bonifácio e a chefe da Auditoria Operacional Adriana do Rego.

Os tribunais que obtêm esse credenciamento se comprometem a seguir as normas de auditoria estabelecidas pela Organização Internacional de Entidades Fiscalizadoras Superiores (INTOSAI), além de manter, com apoio do BID – que possui uma estratégia de fortalecimento e do uso dos sistemas nacionais de controle externo -, profissionais capacitados para o acompanhamento dos projetos financiados por organismos multilaterais e colaboradores em geral.
Atualmente, 18 Tribunais de Contas do País, incluindo o TCU, passaram pelo diagnóstico e destes 14 firmaram a parceria com o BID. São eles os tribunais de contas dos seguintes estados: Bahia, Distrito Federal, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, Amazonas, Minas Gerais, Pará, Ceará, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Tocantins. O único TCM credenciado até hoje é o do município do Rio de Janeiro.

Ascom TCE-PB (Carlos César Muniz)
01/12/2015

Compartilhe: