Conselheiro Fábio Nogueira coordenou equipe da Atricon que avaliou TCE-PI

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí recebeu durante toda a semana (20 a 23/10) uma equipe da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil – Atricon, para avaliação e validação do relatório do Marco de Medição do Desempenho – Qualidade e Agilidade dos Tribunais de Contas do Brasil – MMD-QATC, apresentado pelo TCE- PI. O Conselheiro Fábio Túlio Nogueira (TCE-PB) e os auditores José Luciano S. Andrade (TCE-PB), Ivonete Dionízio (TCE-BA) e Roberto Tenório (TCE-BA) integraram a comissão avaliativa.

O Presidente do TCE-PI Luciano Nunes recebeu o certificado de garantia de qualidade das mãos do Conselheiro Fábio Túlio Nogueira, que ressaltou aspectos positivos encontrados na avaliação do relatório interno: “Nós constatamos que a comissão foi extremamente rigorosa, ou seja, está dando um bom exemplo. Não houve a intenção de maquiar dados. Alguns itens que a própria comissão interna entendeu que não estivesse cumprindo, nós entendemos que o Tribunal de Contas do Estado do Piauí está cumprindo”.

O MMD-QATC tem como objetivo verificar o desempenho dos Tribunais de Contas em comparação com as boas práticas internacionais e diretrizes estabelecidas pela Atricon, bem como identificar os seus pontos fortes e fracos. Busca-se, portanto, fortalecer o sistema nacional de controle externo e contribuir para que os Tribunais de Contas atuem de maneira harmônica e uniforme, valorizando o controle social e oferecendo serviços de excelência, a partir de um padrão de fácil verificação e confirmação.

Fabio 1fabio 3

fabio4fabio 5

Compartilhe: