TCE-PB faz 44 anos e apresenta relatório de Auditoria Operacional em Educação

fachada_ideal
Para comemorar os 44 anos de instalação do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba será realizada nesta segunda-feira (02), uma programação especial. Começa pela manhã, às 8h30, com a apresentação da Guarda de Honra, formada por cadetes do Centro de Ensino da Polícia Militar, hasteamento do Pavilhão Nacional, ao toque da corneta, execução do Hino Nacional pela Banda de Música da Polícia Militar. Na ocasião haverá a palavra do presidente do TCE-PB, conselheiro Umberto Silveira Porto e em seguida o desfile da tropa.
No período da tarde, haverá uma sessão extraordinária às 14h, no Auditório Celso Furtado, no Centro Cultural Ariano Suassuna, na sede do TCE, quando será apresentado o relatório da Auditoria Operacional em Educação no Estado da Paraíba, sob a relatoria do conselheiro Fernando Rodrigues Catão.
Em seguida, será apresentada a nova versão do IDGPB – Indicadores de Desempenho dos Gastos Públicos na Paraíba em educação, destacando o resultado de avaliação da qualidade do Ensino Médio no Estado, definidos pela Auditoria do TCE-PB.
História – O processo de criação do Tribunal de Contas do Estado iniciou-se a 17 de agosto de 1970, concretizando-se com a sanção da Lei no 3.627, a 31 de agosto daquele ano, e com a sua instalação a 1o de março de 1971.
O Tribunal de Contas é encarregado de zelar pela correta aplicação dos recursos públicos, exercendo, ainda, o controle externo, mediante a fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial do Estado da Paraíba, de seus Municípios e das entidades da administração direta e indireta. Fica sediado na capital, João Pessoa, com jurisdição em todos os Municípios paraibanos.

Ascom/TCE-PB
Fábia Carolino
27.02.2015

Compartilhe: