Construído pelo TCE, Distrito Integrado de Segurança Pública é entregue à sociedade

O equipamento confirma a responsabilidade social da Corte de Contas

disp2disp3

O Distrito Integrado de Segurança Pública, um equipamento integrado ao complexo Centro Cultural Ariano Suassuna, construído pelo Tribunal de Contas da Paraíba, foi entregue oficialmente à Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social – DISP. O ato de formalização da cessão de uso do prédio, além de equipamentos mobiliários e de informática, foi conduzido pelo presidente do TCE-PB, conselheiro Fábio Nogueira, na manhã desta sexta-feira, dia 9.

Na ocasião, o conselheiro Fábio Nogueira ressaltou que o controle externo vem ultrapassando o papel formal de fiscalizador da conformidade para adentrar no exercício pedagógico e auxiliar da gestão pública, que reflete na boa governança. Isso, de acordo com ele, explica o gesto de responsabilidade social, que se inclui nesse propósito de valorização da cidadania, do qual resultou a construção do DISP.

O conselheiro Fábio Nogueira disse que a segurança pública é uma área sensível, que domina a preocupação da sociedade mundial, em razão do elevado índice de demandas que centraliza. Em razão disto, a destinação do espaço, inicialmente pensado para atender a Assessoria Militar da própria Corte, mudou de concepção.

O presidente Fábio Nogueira explicou que um estudo das dimensões da área revelou que ela comportaria uma construção que pudesse ter o seu valor social redimensionado e a sua capacidade de atendimento expandida.

O secretário adjunto da Segurança e da Defesa Social, Jean Bezerra Nunes, disse que a construção do DISP é mais uma entres as ações que fizeram a gestão do conselheiro Fábio Nogueira “grandiosa” e que o equipamento, em razão do atendimento aos padrões estabelecidos, além de atender a uma necessidade da cidadania, é um excelente ambiente de trabalho para os servidores e policiais que nele trabalharão.

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, disse que o conselheiro Fábio Nogueira, com seu exemplo, convence de que é possível tratar a segurança pública como “responsabilidade social”.

O Distrito Integrado de Segurança Pública – 5º DISP cedido à Secretaria da Segurança e da Defesa Social, possui estrutura física semelhante aos já existentes, com capacidade para acomodar e atender as funções dos diversos segmentos policiais: Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil.

São espaços como: recepção; sala de apoio psicossocial; sala de plantão de polícia militar e de bombeiros; delegacia; sala de plantão de polícia civil; sala de interrogatório; sala de reconhecimento; salas de custódia; entre outros que ocupam uma área construída de 220 metros quadrados.

Presenças – estiveram presentes ao ato solene o secretário adjunto da Segurança e da Defesa Social, Jean Bezerra Nunes (o secretário Cláudio Coelho Lima, se ausentou em função do falecimento de sua mãe); o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Jair Carneiro de Barros; o inspetor da Polícia Rodoviária Federal, Eder Romeu; dos oficiais da PM Denis da Silva Meira; e Almeida Rosas; e dos delegados da Polícia Civil, Lívio Delgado; e Isaias Gualberto.

Compareceram, também, a procuradora geral do Ministério Público de Contas, Elvira Samara Pereira; os conselheiros Umberto Silveira Porto, André Carlo Torres Pontes, Fernando Rodrigues Catão; Arnóbio Alves Viana e o conselheiro substituto Antônio Gomes.

Ascom TCE-PB // Ridismar Moraes

Em 9 de janeiro de 2015.

Compartilhe: