TCE-PB participa de ‘Pacto pela Governança: Um Retrato do Brasil’

O conselheiro Fábio Nogueira, presidente do Tribunal de Contas da Paraíba, participa do ‘Pacto pela Boa Governança: Um Retrato do Brasil’. O evento é promovido pelo Tribunal de Contas da União, com a parceria dos demais TCs brasileiros, para a apresentação de um diagnóstico sobre as principais demandas da sociedade nas áreas de saúde, educação, infraestrutura, previdência social e segurança pública.

O documento é resultado do levantamento de dados das auditorias coordenadas, realizadas conjuntamente pelo TCU e TCs, além de fiscalizações e relatórios recentes, e será apresentado à presidente da República, Dilma Roussef, e aos governadores, eleitos em outubro passado, na tarde desta segunda-feira (17), Museu Nacional de Brasília.

O diagnóstico de cada uma das áreas será apresentado em um painel distinto. Serão cinco blocos, em formato de talk show, para propiciar uma maior interatividade entre os presentes.

O conselheiro Fábio Nogueira considera que este é um momento ímpar para o Brasil já que os governantes iniciarão seus mandatos sabendo, exatamente, onde deverão priorizar ações. “É uma colaboração sem precedentes, que se oferece à gestão pública e mais um passo empreendido pelos Tribunais de Contas dentro do propósito da pedagogia e da orientação para a boa governança”, salientou.

Presenças – Estão presentes ao ‘Pacto pela Boa Governança: Um Retrato do Brasil’, que é conduzido pelo presidente do Tribunal de Contas da União, ministro Augusto Ribeiro Nardes, além do presidente em exercício, Michel Temer, diversos ministros, senadores, deputados, a maioria dos governadores eleitos.

Parceria – O evento é realizado em parceria com a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas (Atricon), o Instituto Rui Barbosa (IRB), as Confederações representantes dos sistemas produtivos nacionais – Confederação Nacional da Indústria (CNI), Confederação Nacional da Agricultura (CNA), Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), Confederação Nacional de Serviços (CNS) – além da Associação Nacional dos Dirigentes de Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e do Fórum dos Conselhos de Fiscalização Profissional.

Ascom TCE-PB // Ridismar Moraes

Em 17 de novembro de 2014.

Compartilhe: