Integrantes do Focco-PB formalizam convite para TCE coordenar Fórum

reuniao_focco_interna1reuniao_focco_interna2

O presidente do Tribunal de Contas da Paraíba, conselheiro Fábio Nogueira, recebeu o chefe da CGU e coordenador do Fórum Paraibano de Combate à Corrupção, Fábio Araújo; Rodrigo Paiva, analista de finanças e controle da CGU; e Gabriel Aragão, coordenador do núcleo de prevenção da CGU, também integrantes do Focco, que formalizaram convite para que o TCE passe a coordenador o Fórum na Paraíba.

Depois de manifestar-se honrado pelo convite, o conselheiro Fábio Nogueira, sugeriu o nome do conselheiro André Carlo Torres Pontes, ouvidor do TCE que, segundo o presidente, é um excelente quadro da Corte de Contas paraibana, sobretudo pelo perfil técnico que possui e pelo fato de ser egresso do Ministério Público. A indicação será submetida ao Tribunal Pleno.

Os integrantes da CGU, ao justificarem a pretensão de ter o Tribunal da Contas na coordenação do Focco, ressaltaram a representatividade do TCE e se reportaram ao fato da Corte paraibana ser um referencial nacional, sobretudo, em termos de qualidade de controle externo. “Nossa intenção é de que o Fórum desenvolva um trabalho ainda melhor do que tem feito e o TCE tem todas as qualificações em prol desse objetivo”, ressaltou Fábio Araújo, chefe da CGU.

 Ascom – TCE-PB – Ridismar Moraes

4 de fevereiro de 2014

 

Compartilhe: