TCE-PB realiza palestra sobre Normas de Auditoria Governamental


As Normas de Auditoria Governamental (NAGs) aplicáveis ao controle externo brasileiro serão o tema de palestra a ser realizada nesta segunda-feira (07), às 14h, no Plenário Ministro João Agripino, para os servidores do Tribunal de Contas da Paraíba. O encontro terá como facilitador o conselheiro vice-presidente do TCE-BA, Inaldo da Paixão Santos Araújo, que é coordenador do Grupo de Normas e Auditoria Governamental do Promoex.

O conselheiro Nominando Diniz coordena o evento no TCE. Ele preside a comissão composta por seis auditores de contas públicas, que foi criada por meio da portaria 096/2013, assinada pelo presidente do Tribunal de Contas da Paraíba, conselheiro Fábio Nogueira para estudar a adesão e a implementação das Normas de Auditorias Governamentais, no âmbito do Tribunal de Contas da Paraíba.

A adoção das normas de auditoria governamental visa estabelecer um padrão nacional de atuação das diversas equipes de trabalho de cada Tribunal de Contas, baseado na prática e diretrizes de auditoria de diversas instituições internacionais e nacionais. As NAGs definem os princípios básicos que devem reger as atividades de auditoria governamental, fornecendo subsídios que permitem determinar os procedimentos a serem utilizados no planejamento, na execução das auditorias e na elaboração dos relatórios e monitoramentos.

O projeto das NAGS é recomendado pelo Instituto Rui Barbosa (IRB), Coordenação do Programa de Modernização o Sistema de Controle Externo dos Estados e Municípios Brasileiros (PROMOEX), Associação dos Membros dos Tribunais de Contas (ATRICON), Associação Brasileira dos Tribunais de Contas dos Municípios (ABRACOM), com apoio do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG).

O palestrante, conselheiro Inaldo da Paixão Santos Araújo, é mestre em contabilidade, Auditor concursado do TCE-BA, foi nomeado conselheiro em 2012. Atua também como professor universitário, tendo publicado diversos livros na área de contabilidade. É membro do grupo de trabalho do Conselho Federal de contabilidade (CFC) que elaborou as Normas Brasileiras de Contabilidade aplicadas ao Setor Público e coordenador do Grupo de Trabalho constituído pelo Instituto Rui Barbosa (IRB) que elaborou as Normas de Auditoria Governamental (NAGs).

Fábia Carolino
Ascom/TCE-PB

Compartilhe: