Nenhuma das 27 empresas relacionadas pela CPMI atuou no Estado, constata TCE-PB

O Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB), respondeu ofício da presidência da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Congresso Nacional. O TCE informou que nenhuma das 27 empresas, questionadas pela CPMI, teve atuação no Estado.

A resposta à CPMI do Cachoeira, como é conhecida na mídia, foi encaminhada pelo presidente da Corte, conselheiro Fernando Catão, no último dia 4 de julho. A Assessoria Técnica do TCE-PB constatou que “não constam relatórios e procedimentos instaurados, concluídos ou não, acerca das 27 empresas relacionadas pela CPMI e encaminhadas a este Tribunal.

No ofício, também é informado que não houve pagamento realizado por quaisquer órgãos jurisdicionados municipais e estaduais da Paraíba, entre o período de2005 aabril de 2012, em favor de nenhuma das empresas relacionadas pela Comissão de Parlamentar Mista de Inquérito.

Compartilhe: