TCE tem apoio do Ministério das Cidades para uso de satélite

Técnicos do Ministério das Cidades chegarão a João Pessoa, depois do Carnaval, para acertos que deverão permitir ao Tribunal de Contas do Estado a utilização de um software para a edição de imagens de satélites, ferramenta que já utilizam no acompanhamento de mais de 40 mil obras públicas federais, a maioria do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

 

A iniciativa resulta de contato pessoal do presidente do TCE, conselheiro Nominando Diniz, com o ministro Márcio Fortes, em cujo gabinete esteve na quinta-feira (04). “Ficou acertado que um grupo desse Ministério estará conosco, passado o período carnavalesco”, contou Nominando, nesta sexta-feira, por telefone.

 

A providência servirá ao Sistema de Geoprocessamento para cuja execução o TCE firmou convênio com a Universidade Federal de Campina Grande. A ideia é, exatamente, a da localização de obras públicas na Paraíba por fotografias de satélite.

 

Uma equipe do Departamento de Informática da UFCG, centro de referência tecnológica internacionalmente reconhecido, já teve a primeira reunião de trabalho no Tribunal de Contas, depois do convênio celebrado na última segunda-feira com as assinaturas do conselheiro Nominando Diniz e do reitor Thompson Mariz apostas em solenidade da qual também participaram o vice-presidente Fernando Catão e o corregedor do TCE Fábio Nogueira.

 

 Conduzida pelo conselheiro Catão, a reunião entre as equipes do TCE e da UFCG também foi acompanhada por técnicos do Tribunal de Contas do Amazonas interessados em conhecer os avanços na área de informática aqui desenvolvidos.

 

“Tem sido uma visita de muito proveito”, comentou Pedro Augusto de Oliveira, um dos visitantes. O outro, Ângelo Eduardo Nuna, lembrou que a presença de ambos é decorrência de solicitação feita, neste sentido, pelo presidente do TC do Amazonas Júlio Pinheiro ao conselheiro Nominando Diniz.

Compartilhe: